cassete

CASSETE|Anti-Demos-Cracia

Por em 14 Nov 2008

A editora Anti-Demos-Cracia foi criada em 1990, sob impulso de António Caeiro e António Leonardo. Na altura, a ideia era apenas registar em cassete o projecto de que ambos faziam parte, os Varples Pravles. O facto é que com o tempo outras edições foram surgindo, sendo que aquando do seu adormecimento, corria o ano de 1994, esta levava já oito edições no seu bornal. O interessante desta pequena história é que a Anti-Demos-Cracia há já algum tempo que voltou à ribalta editorial, agora no formato digital. Este regresso é marcado não só pela disponibilização online das suas antigas edições – algumas já por aqui referidas anteriormente, como pela disponibilização gratuita de outras nunca antes editadas. A última pertence aos Erros Alternados e responde por “Comodidades”:

Catálogo:
ADC-011 (2008) – Erros Alternados – Comodidades
ADC-010 (2008) – Título Póstumo – em Coimbra, 1988
ADC-009 (2008) – Vários Artistas – Ecos do Troino
ADC-008 (2008) – Título Póstumo (Portugal) – no Porto, 1988
ADC-007 (1993) – Vários Artistas – Eu-Topia
ADC-006 (1992) – Vários Artistas: Perspectivas – (1º. Ciclo de Musica Improvisada da Covilhã)
ADC-005 (1992) – VULTURE..S EYE (Alemanha): “Nabel der Welt”
ADC-004 (1992) – Manual Performance (Portugal)- “Tekm”
ADC-003 (1992) – Vários Artistas: “Corpus Delicti”
ADC-002 (1992) – Vários Artistas – Faces Ocultas
ADC-001 (1991) – Vários Artistas: Experiências Sonoras
ADC-000 (1990) – Varples Pravles (Portugal) – O Convento da Misantropia

som CATÁLOGO COMPLETO

capa

sítio antidemoscracia.blogspot.com
sítio www.myspace.com/antidemoscracia

TAGS
RELATED POSTS
2 Comentrios
  1. leo

    21 Nov 2008

    agradecimentos & abraços para vós

  2. caeiro

    16 Nov 2008

    Thanks!

DEIXE UM COMENTRIO

Rui Dinis
Portugal

Rui Dinis é um bi-pai 'alentejano' nascido em Lisboa no ano de 1970, dedicado desde Janeiro de 2004 à divulgação da música e dos músicos portugueses.

Disco da Semana
Os últimos…de há muito
Redes Sociais
Por decisão pessoal, o autor deste blogue não escreve segundo o novo Acordo Ortográfico.