chapa 7

Chapa 7 com oLUDO

Por em 10 Nov 2011

Depois de “Nascituro” (Edição de Autor) e “Mil Tentações” (Optimus Discos), “Almirante” é o álbum de estreia dos algarvios oLUDO. A trompa aplicou-lhes também a chapa 7:

1. O que move oLUDO na música?
O que nos move e continua a fazer-nos mover é a vontade de criar, sem qualquer tipo de condicionantes. Experimentar muitas abordagens, estilos, instrumentos, etc. As influências exteriores, outros tipos de expressão artística e sobretudo as pessoas que nos ouvem e que nos têm acompanhado até agora.

2. Numa frase apenas, como caracterizam o novo álbum?
oLUDO está para a música, como o Almirante está para o mar

3. Afinal, quem é o Almirante?
O Almirante é, no fundo, uma analogia à banda. É a mistura das vivências e sentimentos de 5 pessoas completamente diferentes. Com diferentes influências e experiências. Estas diferenças fazem oLUDO e por sua vez o Almirante.

4. Depois de editados 2 EPs, sentem que o novo disco traz um ideia de viragem ou pelo contrário, é um disco continuidade? Porquê?
Penso que será um pouco das duas. Há canções neste disco que já tinhamos desde 2009, quando lançámos o Nascituro. Outras já mais recentes, foram trabalhadas para o Almirante. Mas no plano geral achamos que é uma evolução do trabalho que temos desenvolvido até agora.

5. Acham que viver no Algarve ainda é sinónimo de viver muito longe dos centros de decisão no que toca à indústria musical? Que papel tem ou pode ter a Internet nessa relação de distância?
Para o nosso trabalho é muito importante o uso da internet e das redes sociais. Ajuda-nos bastante na divulgação da nossa música e dos nossos concertos e reduz significativamente a distância, não só dos centros de decisão, mas também dos promotores, agentes, etc. É inegável a distância é um factor importante, mas não é prejudicial ao ponto de nos fazer sequer, pensar nisso.

6. Cantar em português é importante para vocês? Que sensações/emoções esperam que as pessoas retirem da audição do vosso disco?
Cantar e escrever em Português é muito importante. Nós sentimos, sonhamos e exprimimo-nos em Português. A genuinidade da nossa língua, faz-nos poder transmitir os mais variados sentimentos. Queremos que as pessoas viagem na nossa música e nas palavras que a enfeitam.

7. Como vão ser os próximos meses de oLUDO?
A palavra de ordem será estrada. Temos já muitas coisas marcadas e outras tantas para confirmar. O objectivo será levar o Almirante, de Norte a Sul.

Ouvir oLudo

capa de almirante
oLUDO – “Almirante” (Edição de Autor, 2011)

| POP |
www.oludo.net
oludo.blogspot.com
www.facebook.com/oludo

TAGS
RELATED POSTS

DEIXE UM COMENTRIO

Rui Dinis
Portugal

Rui Dinis é um bi-pai 'alentejano' nascido em Lisboa no ano de 1970, dedicado desde Janeiro de 2004 à divulgação da música e dos músicos portugueses.

Disco da Semana
Os últimos…de há muito
Redes Sociais
Por decisão pessoal, o autor deste blogue não escreve segundo o novo Acordo Ortográfico.