COMPARTILHE

Filipe da Graça tem novo disco:

Filipe da Graça é a faceta musical de Filipe Fernandes, que o acompanha desde as suas origens no caloroso Algarve. Foi no local onde britânicos, germânicos, franceses e holandeses passam as suas férias que cresceu este jovem compositor influenciado pelo pôr-do-sol algarvio e os neons luminosos da praia da Oura. Depois do disco de estreia, “Filipe da Graça LP”, em 2011, que lhe valeu elogios de gente tão insuspeita como Jorge Cruz (Diabo na Cruz) ou Tiago Guillul e alguma atenção nas redes sociais e rádios mais alternativas, devidamente retribuida com concertos explosivos, seguiu-se um breve exílio em terras de sua Majestade. Mas os gélidos ares britânicos não esmoreceram a inspiração, bem pelo contrário. Para além de ter produzido trabalhos de outros músicos como Diego Armés, Mandrax Icon, C de Croché e Os Naperãos ou O Deserto Branco, e de ter também contribuido com uma faixa (a meias com C de Croché) para a compilação “10 anos de Ruptura Explosiva”, novas canções começaram a brotar e um novo disco começou a nascer. Foi então entre o Algarve, Lisboa e Londres que foi tomando forma o trabalho que agora apresenta, apropriadamente intitulado “Quando É Que Voltas Para Casa?”.” (nota de imprensa)

“Quando É Que Voltas Para Casa?” será apresentado no Porto no dia 29 de Setembro, no Plano B (1ª parte de C de Croché). A entrada no concerto vale a oferta do disco.

Filipe da Graça – “Quando é Que Voltas para Casa” (Ed. Autor, 2012) | POP-ROCK | Ouvir Filipe da Graça
www.myspace.com/filipedagraca
pt-br.facebook.com/pages/Filipe-da-Graça

DEIXE UMA RESPOSTA