COMPARTILHE

Surpreendentes, outra vez. Chama-se “Faust” e é o novo e terceiro álbum dos La La La Ressonance

Quando nos sentamos a ver Faust, o último filme alemão de Murnau e baluarte do expressionismo, admiramos aquilo que parecia ser a antítese do universo dos La la la ressonance: um jogo onírico e caricatural de luz, drama, convulsão e espectacularidade.
Compusemos uma banda sonora original a partir desta impressão inicial, definindo uma linha narrativa musical paralela, que em vez de se submeter ao conteúdo formal do filme, antes trata – ora com ironia, ora com reverência – a personagem de Faust e o seu retrato possível, enquanto grande colecção de pessoas e respectivos fantasmas. Celebrizado por Goethe, revisitado por Paul Valéry, Fernando Pessoa, Thomas Mann ou Wagner, Berlioz, Schumann e Liszt, Faust é simultaneamente gente e mito, onde habita o conflito metafísico entre o bem e o mal, o amor cego, a luxúria e a tragédia.
Decidimos transformar esta aventura épica no 3o álbum de originais de La la la ressonance, criando um mundo extremado e hiperbólico (…)
” (La La La Ressonance)

O álbum foi gravado por José Arantes, misturado e co-produzido com Paulo Miranda, no AMP Studio, e masterizado por Roger Seibel. “Faust” chegou ao público em dois formatos diferentes: em digipack e numa edição limitada a 250 exemplares numerados, numa original embalagem mineral (desenvolvida e produzida com o apoio do Museu de Olaria de Barcelos).

Ouvir “Faust”

capa de Faust
La La La Ressonance – “Faust” (PAD, 2012)

| ALTERNATIVA |
www.facebook.com/lalalaressonance
www.myspace.com/lalalaressonance
pad-online.com

DEIXE UMA RESPOSTA