COMPARTILHE

Tudo começou em finais de 2011, muito por culpa da banda sonora do jogo “Vampire: The Masquerade – Bloodlines”. Alguns meses mais tarde, João Simões estava pronto para mostrar o seu trabalho como Hulduefni. E esse trabalho tem um nome, chama-se “Deep Darkness” (Ed. Autor, 2012), um álbum composto por nove faixas em mais de uma hora de algo situado entre o dark ambient, o drone e a música experimental, tudo salpicado com um toque psicadélico. É o próprio que o afirma.
Há alguns sons para espreitar.

Ouvir Hulduefni

capa de deep darkness
Hulduefni – “Deep Darkness” (Ed. Autor, 2012)

| EXPERIMENTAL | DARK AMBIENT |
www.my-ambient.blogspot.pt
www.reverbnation.com/hulduefni
www.youtube.com/hulduefni

DEIXE UMA RESPOSTA