Featured olhares

Zul Zelub em “Ultimaton”

Por em 11 Fev 2013

Assim dá prazer. Um prazer que nos transporta e nos mantém por longos minutos numa outra dimensão. Não é sequer perceptível qual, percepcionamos apenas o prazer da mudança. Percepcionamos a diferença. Percepcionamos a estranheza. Percepcionamos o prazer que advém do desconhecido, de uma realidade naturalmente vertida e que a música tratou de inverter. Uma realidade transformada. Uma realidade  quase inexistente mas que existe, realmente.

Zul Zelub é, porque o será para sempre, um projecto de música electroacústica para piano e computador, fundado em 2007 pelo incomparável Jorge Lima Barreto (piano) e por Jonas Runa (Kyma X, computador, processamento, gravação, etc.) também conhecido por João Carrilho. Zul Zelub é também um modo de criar arte em tempo real, o resultado de um jogo que se vai jogando ao piano, versátil, total, experimentalista, e ao computador,  em interacção, em criação, em pura transformação do outro, de si e do todo. Da realidade à ficção, em poucos segundos, numa dinâmica de improviso e inter-relação únicos. Fundem-se discursos, mas acima de tudo, fundem duas energias criativas numa ideia só. Uma ideia de pureza, uma ideia modernidade, uma ideia de natureza surpreendentemente desfragmentada.

Ultimaton” (Plancton Music, 2012) de Zul Zelub é um disco obrigatório. Um disco para ouvir, já. {EXPERIMENTAL | OUVIR}

ultimaton

TAGS
RELATED POSTS

DEIXE UM COMENTRIO

Rui Dinis
Portugal

Rui Dinis é um bi-pai 'alentejano' nascido em Lisboa no ano de 1970, dedicado desde Janeiro de 2004 à divulgação da música e dos músicos portugueses.

Disco da Semana
Artigos Recentes
PUB
Redes Sociais
Por decisão pessoal, o autor deste blogue não escreve segundo o novo Acordo Ortográfico.