sensações

SENSAÇÕES|Cinza em 5 Sentidos + 1

Por em 6 Dez 2008
Com a maqueta “Nem Preto Nem Branco” acabada de estrear – Dezembro de 2008, os Cinza estão hoje em destaque na rubrica ‘sensações’. Uma ideia a acompanhar por aí:
O que se vê na música de Cinza?
Luz e Sombras, como em qualquer fotografia, muitas vezes na mesma canção. Vê-se pássaros, gorgolejares de riachos, voos errantes de borboletas que num ápice são devastados, projectados pelos ares com o poder de um só acorde conjunto. Vê-se uma parede de som a ir contra quem nos ouve.

Que sabor tem a música de Cinza?
O bouquet de aromas dos Cinza é uma composição equilibrada de sal na dose certa, o doce apenas suficiente para não deixar o provador fazer caretas e um amargo daqueles que sabe bem, como as azedas ou uma boa aguardente. A nossa música terá sempre sabores diferentes de tema para tema pois é nossa preocupação criar ambientes e bases melódicas distintas, marcadas, únicas.

Que som tem a música de Cinza?
O som dos Cinza é o brilho dos pratos, as batidas frenéticas nos momentos intensos, a bonança pós-tempestade ouvida ao longe quando a música o pede. É o corpo do baixo, o strumming hipnótico da guitarra ritmo, o rendilhado neo-clássico dos solos, o corpo sólido do bombo e a pancada de corpo inteiro em cada toque na tarola.

O que se sente quando se toca na música de Cinza?
Farpas. Farpas escritas e tocadas. Ninguém que nos toque ficará sem opinião, indiferente, dormente… Há farpas de metal e farpas de fios de seda, no entanto… algumas doem e tiras a mão, apenas para voltar a experimentar mais tarde, outras enleiam-te e prendem-te os gestos, guardando-te por mais que os faças, até à redenção total.

Que aroma tem a música de Cinza?
Temos músicas que cheiram a jardins do Éden, a vida pululante. Outras cheiram a desertos vastos, ar seco, roupa empoeirada e cavalos. Temos inclusivé músicas que cheiram ao excesso de cigarros, a cinza carregada e abandonada, repulsora de quem “Vai em Paz”… o cheiro mais predominante é mesmo o da inspiração, aquele fresco travo que acompanha um sorriso quando a musa chega.

O que se intui da música de Cinza?
Quem quiser intuir algo, apenas tem de ouvir-nos despreocupado pois a nossa música encontra o seu caminho. Quem quiser perceber as letras e a base concreta global da música, basta ouvir a voz e os instrumentos um por um. Quem quiser perceber tudo o que a voz canta e a música diz terá de se aplicar um pouco mais, deixar o corpo entrar pela música, galopar os cavalos que cantamos, fumar o fumo que tapa as letras verdadeiras, fechar os olhos e subir.

som Cinza

:: Ano de Nascimento: 2008;

:: Localidade: Venda Seca;

:: Composição:
– Gonçalo Miragaia (Guitarra e Voz); Pedro Cunha (Guitarra); Pedro Madeira (Bateria); Tiago Fonseca (Baixo).

:: Discografia:
– “Nem Preto Nem Branco” – Demo

tipo Rock/Alternativo

TAGS
RELATED POSTS
2 Comentrios
  1. Rui Dinis

    12 Dez 2008

    Em Belas, concelho de Sintra, acho eu…

  2. Eduardo F.

    9 Dez 2008

    Mas Venda Seca pertence a que concelho?

    Não consegui apurar.

    Grande abraço, Rui
    :)

DEIXE UM COMENTRIO

Rui Dinis
Portugal

Rui Dinis é um bi-pai 'alentejano' nascido em Lisboa no ano de 1970, dedicado desde Janeiro de 2004 à divulgação da música e dos músicos portugueses.

Disco da Semana
Os últimos…de há muito
Redes Sociais
Por decisão pessoal, o autor deste blogue não escreve segundo o novo Acordo Ortográfico.