trompalista

123 – ”Kheostatic” – Joséphine Muller & Ian Linter

Por em 27 Dez 2009

“KHEOSTATIC é uma peça improvisada com duração total de cerca de três horas, dividida em três partes/dias, na qual se procura de forma enciclopédica efectuar uma transcrição sonora de vários elementos que constituem a realidade humana, na sua linguagem, intelectualidade e acção.” (OFF/BRUMA)

Download Grátis

capa de Kheostatic
”Kheostatic” – Joséphine Muller & Ian Linter (OFF/BRUMA, 2009)

género: experimental
astrangerparadise.com
off-bruma.net
www.myspace.com/offbruma

TROMPALISTA 2009

124 – ”Decadence in the Heart of Man” – Coldfear – Edição de Autor (ouvir)
125 – ”Gentle Persuasion” – The Dorian Grays – Edição de Autor (ouvir)
126 – ”Angolan Kung-Fu” – Makongo – SonyBMG (ouvir)
127 – “Mundo Novo” – Varuna – Boom Studios (ouvir)
128 – “Bubble Pop Core” – Stereoboy – Optimus Discos (download)
129 – “Alphajerk” – Spatial White Noise – MiMi Records (download)
130 – “Música Pirata” – Gazua – Edição de Autor (ouvir)
131 – “Cada Som Como Um Grito” – Orfeu Rebelde – Optimus Discos (download)
132 – “Human Clouds” – One Hundred Steps – Rastilho Records (ouvir)
133 – “Monstro Robot” – Monstro Robot – Monster Jinx (download)
134 – “Pelo Lado de Dentro” – Homem Mau – Brainmusic (ouvir)
135 – “Nothing Really Ends” – Loops – Honeysound (ouvir)
136 – “Casino Royal” – Casino Royal – Mastermix (ouvir)
137 – “Mirror People” – Rui Maia – Optimus Discos (download)
138 – “unoeskimo” – unoeskimo – FIGURA (ouvir)
139 – “Controversy” – IanaSonic – Edição de Autor (ouvir)
140 – “Sin and Redemption Sessions” – The Wage – Edição de Autor (ouvir)
141 – “Stories of Hope and Mayhem” – Defying Control – Edição de Autor (ouvir)
142 – “Stereo Alligator” – Stereo Alligator – Edição de Autor (ouvir)
143 – “Aurora” – Madame Godard – Optimus Discos (download)
144 – “Tontura Rural” – Preguizza + Alrucini + Engenho (download)
145 – “Sidewalkers” – Sidewalkers – Edição de Autor (ouvir)
146 – “No Fio da Navalha” – K2O3 – Infected Records (ouvir)
147 – “Lust” – Million Dollar Lips – Edição de Autor (ouvir)
148 – “Six Pack” – Black Sofa – Edição de Autor (download)
149 – “Karpe Diem” – Karpe Diem – Edição de Autor (ouvir)
150 – “At the House of Dolls” – Teatro Grotesco – Enough Records (download)

NOTA INICIAL:

Mais do que estar centrado nos melhores ou piores do ano, esta é acima de tudo uma lista de referência, uma prova de que a música portuguesa está mais viva do que nunca. A opção pelos 150, tal como já fizera em 2007, parece-me ser a prova disso mesmo. Obviamente, esta não pretende ser uma lista definitiva, pois diz apenas respeito a discos ouvidos na íntegra pelo seu autor, pelo menos uma vez. É este o critério. Portanto, e sendo uma lista de responsabilidade individual, é óbvio que muitos discos faltarão, alguns por não caberem nesta lista, por opção, mas muitos outros por não terem sido sequer ouvidos. Tenho pena, mas o tempo e o dinheiro não dão para tudo.
TAGS
RELATED POSTS

DEIXE UM COMENTRIO

Rui Dinis
Portugal

Rui Dinis é um bi-pai 'alentejano' nascido em Lisboa no ano de 1970, dedicado desde Janeiro de 2004 à divulgação da música e dos músicos portugueses.

Disco da Semana
Os últimos…de há muito
Redes Sociais
Por decisão pessoal, o autor deste blogue não escreve segundo o novo Acordo Ortográfico.