Featured trompalista

Trompalista 2015 – Disco do Ano

Por em 4 Jan 2016

E pronto, está desvendado o disco do ano para o maestro desta trompa. Palmas para o fantástico disco de Aldina Duarte. Amanhã, há espaço ainda para 34 menções especiais, onde se incluem os melhores EPs de 2015. Eis a lista dos 66 discos já listados:

trompalistaTOP

1 Aldina Duarte – “Romance(s)” (Sony Portugal)
2 Medeiros/Lucas – “Mar Aberto” (Lovers & Lollypops)
3 Hugo Carvalhais – “Grand Valis” (Clean Feed)
4 Rodrigo Leão e Orquestra & Coro Gulbenkian – “O Retiro” (Universal)
5 emmy Curl – “Navia” (Ed. Autor)
6 Best Youth – “Highway Moon” (Ed. Autor)
7 Albatre – “Nagual” (Shhpuma)
8 Beautify Junkyards – “The Beast Shouted Love” (NOS Discos)
9 Coclea – “Coclea” (Shhpuma)
10 Camané – “Infinito Presente” (Warner Music)
11 André Barros – “Soundtracks Vol. I” (Omnichord Records)
12 Rodrigo Amado – “This Is Our Language” (Not Two Records)
13 Márcia – “Quarto Crescente” (Warner Music)
14 Grutera – “Sur Lie” (Brandit Music)
15 We Trust – “Everyday Heroes” (Ed. Autor)
16 Pedro Magina – “11” (Crash Symbols)
17 Powertrio – “Di Lontan” (Clean Feed)
18 The Glockenwise – “Heat” (Lovers & Lollypops)
19 Susana Santos Silva – “Impermanence” (Carimbo Porta-Jazz)
20 Allen Halloween – “Híbrido” (Ed. Autor)
21 Torto – “Escabroso” (Lovers & Lollypops)
22 Virgem Suta – “Limbo” (Universal)
23 Mazgani – “Lifeboat” (Sony Portugal)
24 Pedro Sousa, Johan Berthling & Gabriel Ferrandini – “Casa Futuro” (Clean Feed)
25 Equations – “Hightower” (Lovers & Lollypops)
26 Moullinex – “Elsewhere” (Discotexas)
27 David Fonseca – “Futuro Eu” (Universal)
28 Da Chick – “Chick to Chick” (Discotexas)
29 Tó Trips – “Guitarra Makaka – Danças a Um Deus Desconhecido” (Mbari)
30 Moonspell – “Extinct” (Napalm Records)
31 Evols – “II” (Ed. Autor)
32 David Maranha & Helena Espvall – “Sombras Incendiadas” (Three:Four)
33 Paraguaii – “Paraguaii” (Elephante MUSIK)
34 Tiago Sousa – “Coro das Vontades” (Ed. Autor)
35 Bizarra Locomotiva – “Mortuário” (Rastilho Records)
36 Branko – “Atlas” (Enchufada)
37 Mécanosphère – “Scorpio” (Raging Planet)
38 Al-Mu’tamid – “Poeta Rei do Al-Andalus” (AMG Music)
39 Basset Hounds – “Basset Hounds” (NOS Discos)
40 Benjamim – “Auto Rádio” (Pataca Discos)
41 DJ Ride – “From Scratch” (Valentim de Carvalho)
42 Balla – “Arqueologia” (Ed. Autor)
43 Tio Rex – Ensaio Sobre a Harmonia” (Biruta Records)
44 10 000 Russos – “10 000 Russos” (Fuzz Club Records)
45 Cavalheiro – “Mar Morto” (PAD)
46 Seiva – “Seiva” (Bigorna)
47 Luís Severo – “Cara d’Anjo” (Gentle Records)
48 The Temple – “Serpentiger” (Raging Planet)
49 Dreamweapon – “Dreamweapon” (Lovers & Lollypops)
50 Nerve – “‘Trabalho & Conhaque’ ou ‘a Vida Não Presta & Ninguém Merece a Tua Confiança'” (Ed. Autor)
51 PZ – “Mensagens da Nave-Mãe” (Meifumado)
52 Marcelo dos Reis & Angelica V. Salvi – “Concentric Rinds” (Cipsela Records)
53 Sr. Inominável – “D’Estalo” (Azul de Tróia)
54 Peixe – “Motor” (Ed. Autor)
55 Thunder & Co. – “Nociceptor” (Ed. Autor)
56 Mancines – “Eden’s Inferno” (Suite Music)
57 Mirror People “Voyager” (NOS Discos)
58 Roger Plexico & Ace – “Roger Plexico & Ace” (Monster Jinx)
59 Holy Nothing – “Hypertext” (Turbina)
60 Corona – “Lo-Fi Hipster Trip” (Meifumado)
61 Tape Junk – “Tape Junk” (Pataca Discos)
62 Frei Fado – “O Quanto Somos Semelhantes” (Primetime)
63 João Martins – “Ides of March” (Ed. Autor)
64 Mourah – “Kardia” (Mole Listening Pearls)
65 Volcano Skin – “a few moments of sleeping and waking” (Ed. Autor)
66 Máquina Del Amor – “Máquina Del Amor ” (Azul de Tróia)

TAGS
RELATED POSTS
3 Comentrios
  1. Luís Silva

    14 Jan 2016

    Olá Rui,
    Venho cá com bastante frequência, mas nunca fui de deixar feedback. Hoje decidi dizer algo: Parabéns pelo excelente trabalho!
    O meu álbum do ano, é o teu 5º, Emmy Curl. ;)

  2. Rui Dinis

    4 Jan 2016

    Olá Vítor

    Obrigado pelas tuas palavras.

    Uma boa parte dos nomes que referes ainda vão aparecer hoje num conjunto de 34 menções especiais que farei; de facto, merecem-no. Desde logo EPs – como o da Isaura, que não coloquei na minha lista principal.

    Ah e ouve bem o disco da Aldina; o 1º e o 2º…que são a mesma coisa mas diferentes :)

    Grande abraço e volta sempre!

    Rui

  3. Vítor Vieira

    4 Jan 2016

    Os meus mais sinceros parabéns Rui pela qualidade do trabalho, pelo esforço e pela dedicação à causa. Mesmo em “modo reduzido” A Trompa não perdeu qualidade nem pertinência.

    Quanto à lista de 2015, como sempre algumas surpresas, a começar pelo disco do ano. Serei agora “obrigado” a prestar um pouco mais de atenção ao disco da Aldina. No entanto, sem pôr em causa a tuas escolhas/gostos (era o que me faltava), noto a falta de alguns discos, nomeadamente “V” de Atila, “Propaganda” dos Torpe, “Os Ais!!” de Xícara, “Serendipity” de Isaura ou esse hino ao low-fi mais desbragado que é o “Alfarroba”. Mas isto é apenas uma opinião pessoal.

    Uma vez mais parabéns e um óptimo ano para ti e para “A Trompa”.
    Keep going, Maestro.

DEIXE UM COMENTRIO

Rui Dinis
Portugal

Rui Dinis é um bi-pai 'alentejano' nascido em Lisboa no ano de 1970, dedicado desde Janeiro de 2004 à divulgação da música e dos músicos portugueses.

Disco da Semana
Artigos Recentes
Redes Sociais
Por decisão pessoal, o autor deste blogue não escreve segundo o novo Acordo Ortográfico.