uma a uma

UMA A UMA|”Registos – Música Moderna Portuguesa” – Vários Artistas

Por em 21 Jun 2005

Mais uma grande recordação…
De regresso às magníficas compilações nascidas das históricas jornadas num tal de Rock Rendez Vous, hoje, a festa, fez-se ao som de “Registos – Música Moderna Portuguesa” (as 8 bandas semi-finalistas do 5ºCMM do RRV – 1989).
Num disco mais pop, de verdadeira rendição, é curioso reparar na presença de Ritual Tejo, Sitiados e Quinta do Bill, bandas que de futuro, viriam a ter relativo sucesso. Por outro lado, e porque há sempre outro lado, estão bandas que desconhecidas do grande público, deixaram muitas saudades; falo de Falecidos Alves dos Reis, TomCat, Ecos da Cave e Agora Colora.
Grande.Mas…uma a uma:
> 01 Ânsia – Ritual Tejo, “Sinto que encho a alma de ânsia”, Com letra e música de José M. Afonso, os Ritual Tejo (até aí Easy Gents) sairiam vencedores do concurso desse ano.
> 02 A Noite – Sitiados, “Ela sorriu, e ele foi atrás…”, aquela inocência, aquela magia dos primeiros tempos. Os Sitiados foram finalistas do concurso.
> 03 Mátria – Agora Colora, “Mátria, onde está a língua”, também finalistas, os Agora Colora têm em Mátria um tema musicalmente forte…desconcertante quando “lido”.
> 04 À Noite – Falecido Alves dos Reis, “Nascidos na noite, amantes sem ser”, do Porto com muito pop 80/90’s…
> 05 Atmosfera – TomCat, “a gente já não sabe viver sem destruir”, das melhores do disco, mais alternativo, mais interventivo, melhor…
> 06 Zézé – Quinta do Bill, “bom é erguer tarde, ter prazer…”, tema mais aligeirado aqui, mais afunkizado ali…o tema menos atraente do disco.
> 07 Desejo – Ecos da Cave, “a água salgada que bebi do teu corpo”, de Santo Tirso com muita alma…excelente.
> 08 Pelas Ruas da Cidade – Margem Sul, “Pelas ruas de Lisboa, vagueando meio à toa”, rock feito de emoções…em bom ritmo.


“Registos – Música Moderna Portuguesa” – Vários Artistas (1989/Dansa do Som/Reed. 1993/Movieplay)

ACTUALIZADO

TAGS
RELATED POSTS

DEIXE UM COMENTRIO

Rui Dinis
Portugal

Rui Dinis é um bi-pai 'alentejano' nascido em Lisboa no ano de 1970, dedicado desde Janeiro de 2004 à divulgação da música e dos músicos portugueses.

Disco da Semana
Os últimos…de há muito
Redes Sociais
Por decisão pessoal, o autor deste blogue não escreve segundo o novo Acordo Ortográfico.