especial

Especial Singles

Por em 11 Jul 2010

São cinco propostas (Expensive Soul; Booster; Pestox; Sons of Albion; Lírio Cão)


Expensive Soul – “O Amor é Mágico” (Edição de Autor, Rastilho Records, 2010)

Assim parece. Com o álbum “Utopia” ainda bem fresco, eis o single “O Amor é Mágico”. Sem grandes novidades estéticas, este single comprova a excelência do trabalho de produção e interpretação da dupla leceira Expensive Soul. Com aquele soul que envolve sem pedir licença. “Game Over” está no lado B e não desmente o que atrás foi genericamente dito. Esta é uma edição em vinil com selo Rastilho Records.


Booster – ” Se a Sorte Der Uma Mão” (Edição de Autor, 2010)

Depois do EP “O teu bem faz-me mal”, editado em 2009, os Booster apresentam-nos agora “Se a sorte der uma mão”, tema de avanço para o álbum que se avizinha. É aquele pop-rock em português com energia e fluidez assinaláveis; directo ao assunto. Esperemos pois pelas novidades da banda de Paulo Pereira (voz e guitarra), Rui Gomes (guitarra), Sandro Teixeira (baixo) e Guilherme Pimenta (bateria).


Pestox – “Sonho” (Edição de Autor, 2010)

Marcados desde sempre pela influência de nomes como Xutos & Pontapés e Censurados, desde há dois anos que os Pestox se orientam num outro sentido, já perfeitamente identificável no single “Sonho”. A uma presença marcadamente punk-rock, que se mantém, o grupo juntou-lhe agora uns pózinhos folk, ao incorporar instrumentos como o trompete, o banjo, o bandolim e a gaita de foles. Hoje, mais do que um grupo rock de expressão portuguesa, temos um grupo rock com raízes espalhadas pelo mundo. Novas ideias.


Sons of Albion – “I Feel You” (Edição de Autor, 2010)

Este chama-se “I Feel You” e é o último single dos Sons of Albion, banda luso-britânica sediada em Londres e formada por Logan Plant (voz), Nuno Miguel (guitarra), Gones (baixo) e Francisco Sousa (bateria). Com o álbum de estreia previsto para final de 2010, início de 2011, “I Feel You” vem no seguimento de “Take a Look”, o anterior single. Descortina-se aqui um rock clássico de feições grunge, interpretado com grande intensidade.


Lírio Cão – “Saia Rota” (Edição de Autor, 2010)

Depois de “A Vaidade”, “Saia Rota” é o segundo single retirado do EP de 2009, “O Correcto Uso do Sabão”. Sem surpresa, a linha seguida é a mesma de sempre, um enérgico rock alternativo que não nega a espaços alguns propósitos mais pop.  “Vais morrer com a saia rota mas isso que importa“; tipo de-Lírio Cão. O grupo é formado por José Leão (guitarra e voz), Luís Miguel Carneiro (baixo e voz) e Tiago Faria (bateria).

TAGS
RELATED POSTS

DEIXE UM COMENTRIO

Rui Dinis
Portugal

Rui Dinis é um bi-pai 'alentejano' nascido em Lisboa no ano de 1970, dedicado desde Janeiro de 2004 à divulgação da música e dos músicos portugueses.

Disco da Semana
Artigos Recentes
Redes Sociais
Por decisão pessoal, o autor deste blogue não escreve segundo o novo Acordo Ortográfico.