A TROMPA

Disco da Semana


artigos recentes


LIGAÇÕES QUENTES


Arquivo


CONCERTOS|The Ultimate Architects em Pirescoxe

Rui DinisRui Dinis
Foi ontem, no Castelo de Pirescoxe – sim, num Castelo, mais propriamente em Santa Iria da Azóia – sim, há um Castelo em Santa Iria da Azóia, que os The Ultimate Architects deram mais um concerto. Numa noite ventosa, aqui e ali a deixar espreitar algum frio, o trio liderado por D’Architect (baixo e voz) lá estava, acompanhado por Playmobille Soldier (guitarra) e Filipe (teclados), pronto para nos dar alguma música e apresentar o seu último EP, “Norma” de seu título. Foi isso que fizeram; e bem.
Pouco depois das 10h, lá estava o grupo lisboeta, bem no centro daquele simpático local – o castelo, interessante para pequenos concertos; pena foi que à noite algo fria, as gentes de Pirescoxe respondessem com o aconchego do lar, negando-se a dar um pulo ao belo castelo da terra. Assim, num espaço pouco preenchido, servido pelo Bar do Castelo, os The Ultimate Architects fizeram o que deles se esperava; deram-nos música, viajando um pouco por todos os seus discos. Estiveram bem, dadas as circunstâncias – pouco povo e o presente sem saber bem o que o esperava; fizeram pela vida, tentando aqui e ali, com som e palavras, animar a massa que os esperava.
Correndo todas as suas edições anteriores e não esquecendo “Elevata” de 2003, os primeiros destaques vão mesmo para alguns dos sons de “Soma” (2005), destacando-se aqui os temas “Astonishing” e “Run”; do novo “Norma” (2007), o destaque vai para o single “Antes do Tempo” e para “Queimar”. Com um som razoável para o espaço, o grupo ofereceu-nos uma agradável noite de música, recorrendo naturalmente ao seu pop-rock electrónico – de influências britânicas, mas também ao rock mais sombrio dos Joy Division, com o recurso a uma cover de “Transmission”, ou ao mais saudosista, recorrendo ao tema “Saudade” dos Heróis do Mar. Na verdade, foi um bom início de noite, pouco motivante para os músicos – admita-se, mas à qual estes souberam responder de uma forma profissional. Não tendo sido um espectáculo quente, foi ainda assim um bom espectáculo…
…em resumo, não foi uma noite perdida – longe disso; o grupo tem um alinhamento seguro e capaz de responder a estas e outras festas. Isso foi o que faltou ontem, o espírito de festa à la 80’s!

som Ouvir alguns sons de The Ultimate Architecs.

tipo Electrónica/Pop/Rock
sítiowww.theultimatearchitects.net

Rui Dinis
Author

Rui Dinis é um pai 'alentejano' nascido em Lisboa no ano de 1970, dedicado intermitentemente desde Janeiro de 2004 à divulgação da música e dos músicos portugueses.

Comments 0
There are currently no comments.