curtas

CURTAS|Carlos Araújo Alves

Por em 26 Fev 2008

Arte, cultura e educação artística, são objecto de uma reflexão séria e atenta no blogue Ideias Soltas. O seu autor, Carlos Araújo Alves, é o convidado de hoje da secção ‘curtas’:

Nome: Carlos Araújo Alves
Blogue: Ideias Soltas

1. Artista preferido?
– Carlos Paredes;
– Maria João Pires;
– Amália Rodrigues;
– Zeca Afonso.

2. Grupo preferido?
– Jafumega;
– Clã.

3. Disco preferido?
– Salada – “Crime Perfeito”.

4. Canção preferida?
– Carlos Paredes: TODAS…
– Salada: “Polaridade Invertida”;
– José Mário Branco: “FMI”;
– Clã: “Lado Esquerdo”;
– Rui Veloso: “Porto Sentido”;
– Jafumega: “Ribeira”;
– Rui Veloso: “Paixão”.

5. Último disco que ouviu?
– A Imagem da Melancolia: “A Arte da Usurpação”.

6. Último disco que comprou? Quando?
– A Imagem da Melancolia – “A Arte da Usurpação”.

7. O Melhor disco que ouviu em 2007?
– João Paulo Esteves da Silva – “Memórias de Quem”;
– Sexteto de Mário Barreiros – “Dedadas”;
– A Imagem da Melancolia – “A Arte da Usurpação”.

8. Última descoberta?
– Media Vox Ensemble;
– A Imagem da Melancolia.

9. Último concerto a que assistiu? Quando?
– A Imagem da Melancolia – “A Arte da Usurpação” – Fevereiro 2008 – Igreja de S. João da Foz no Porto.

10. Artista ou Banda mais importante para a história da música em Portugal?
(ordem alfabética)
– Amália Rodrigues;
– Carlos Paredes;
– Emmanuel Nunes;
– Guilhermina Suggia;
– Luís de Freitas Branco;
– Maria João Pires;
– Vianna da Motta;
– Zeca Afonso.

NOTA: As respostas dizem respeito apenas a artistas ou bandas portuguesas – incluindo discos e concertos.


> A Imagem da Melancolia

sítio tubaraoesquilo.pt

TAGS
RELATED POSTS
4 Comentrios
  1. Rui Dinis

    26 Fev 2008

    Amigo Carlos, não fique, a ideia até era escolher apenas um – mais difícil ainda, bem sei :-)

  2. Carlos Araújo Alves

    26 Fev 2008

    Antes de mais, estimado Rui Dinis, os meus parabéns pela sua iniciativa de realizar este “quiz” na rede TubarãoEsquilo, obtendo, por isso, uma riqueza pela diversidade muito mais perto do real sentir de quem ouve música.
    Pela parte que me toca, fica a vergonha de saber que ao responder serei sempre muito injusto com aqueles que não me lembrei.
    Abraço

DEIXE UM COMENTRIO

Rui Dinis
Portugal

Rui Dinis é um bi-pai 'alentejano' nascido em Lisboa no ano de 1970, dedicado desde Janeiro de 2004 à divulgação da música e dos músicos portugueses.

Disco da Semana
Os últimos…de há muito
Redes Sociais
Por decisão pessoal, o autor deste blogue não escreve segundo o novo Acordo Ortográfico.