COMPARTILHE

São 6 projectos recentes, 6 novas ideias a dar ainda os primeiros passos:

6Was Once An Orchestra

Dizem os próprios que “Was once an Orchestra, define-se como um projecto de Hip Hop tocado ao vivo. Ou seja, destacamo-nos por tocarmos e produzirmos os nossos beats com instrumentos reais“. “Coragem” é o primeiro single, um tema retirado do EP de estreia do grupo, “Curumi”, um disco a disponibilizar para venda ainda durante o mês de Junho.

5Nothing Always Works

O projecto chama-se Nothing Always Works e “In It” é a sua primeira e interessante amostra. São 4:02 minutos de uma sonoridade intensa, de uma vigorosa e industrial personalidade electrónica. Nothing Always Works é um projecto pessoal do portuense Alexandre Abrunhosa.

4The Greyhound James’ Band

Forjada na rudeza do rock clássico.
Domada no calor do soul.
Arrastada nas enevoadas vielas do blues.” (nota de imprensa)

E estão apresentados os The Greyhound James’ Band.  Depois do EP “Feed Your Hound”, o grupo prepara-se agora para lançar o seu álbum de estreia, que na verdade será um duplo álbum com 18 temas. Vai chamar-se “Candy Mountain”.

3Captain Blue

O projecto chama-se Captain Blue e por detrás dele está um jovem portuense dedicado à guitarra acústica e à criação de batidas harmoniosas. Tudo muito simples mas com muita certeza. Depois de “Train”, ouça-se “Sad Days”.

2Atarantada

Dizem eles sobre esta Atarantada, que é “uma viagem de estilos musicais fundidos para gerar uma explosão de adrenalina e contagiar qualquer ser, vivo ou morto, que se aproxime!” (nota de imprensa). É verdade mas completando, Atarantada é também na sua essência um projecto de teatro-musical, descomprometido, às vezes desbocado mas sempre feliz.

1Namari

Chegam-nos de Torre de Moncorvo, chamam-se Namari e são formados por Mariane Reis (voz), Bernardo Silva (guitarra electro-acústica), Ricardo Pereira (bateria), Sérgio Salgueiro (baixo), Vasco Machado (guitarra eléctrica), Victor Leal (teclados) e Luís Martins (acordeão). Este é o primeiro de um conjunto de três vídeos que o grupo disponibilizará online. Que bela “Bolacha Maria” esta, que venham as restantes…

1 COMENTÁRIO

  1. a mariana conheci ela bebe cresceu em nossa região litoral de sta catarina ,seus pais meus grandes amigos somos tipo da mesma família ,esta menina ja cantava pequenina ,ja sabia ler aos quatro anos ,isso é verdade ,e canta muito voz maravilhosa parabé

    parabéns mariana vc chegou lá uma linda voz e talentosa

DEIXE UMA RESPOSTA