A TROMPA

Disco da Semana


artigos recentes


LIGAÇÕES QUENTES


Arquivo


EM DIRECTO|Com Dwelling

Rui DinisRui Dinis
No seguimento da edição do último “Ainda é Noite”, a trompa lançou algumas questões aos Dwelling:

a_trompa: Os Dwelling já existem desde 1998; numa frase apenas, como caracterizam o som do grupo?
Dwelling: Música de câmara, composta exclusivamente para instrumentos de corda, essencialmente inspirada pelo Fado, o Jazz e alguma música contemporânea de carácter progressivo.

a_trompa: O que mudou na música dos Dwelling de “Humana” (2003) para “Ainda é Noite” (2007)?
Dwelling: Penso que mudou o mesmo que nós, a título pessoal. Está mais madura, mais paciente, e mais centrada no essencial. Este disco marca mais um fim de ciclo e fecha as portas às experiências realizadas nos últimos 4 anos, consolidando o que já tinha sido pensado para “Humana”. Agora temos um enorme espaço para novas experiências nos tempos vindouros.

a_trompa: Uma característica dos vossos discos, é o facto de escreverem letras em português e em inglês; que razão vos leva a escrever numa ou noutra língua?
Dwelling: O facto de usarmos as duas línguas tem a ver com o ambiente que queremos dar à música em particular. Se procuramos um ambiente mais jazzistico ou progressivo, optamos pelo Inglês, se queremos fazer um tema mais emotivo, então é natural que se use o Português. É uma língua mais dada às emoções e menos fria que o Inglês.

a_trompa: Para quem ainda não vos conhece, que sensações podem esperar as pessoas que vos forem ver ao vivo?
Dwelling: Acho que isso depende de cada pessoa. Para as mais sensíveis, prometemos algumas emoções fortes, para os mais levianos, penso que talvez um serão diferente do habitual.

a_trompa: Portugal é um país pequeno para um projecto como os Dwelling?
Dwelling: Não, penso que não. Felizmente a banda já teve oportunidade de viajar para tocar, e temos tido um bom feedback lá fora, mas penso que Portugal é o país ideal para Dwelling – especialmente a nível pessoal. Quanto mais viajamos, mais gostamos da nossa terrinha plantada à beira-mar.

a_trompa: O que nos reserva o futuro dos Dwelling?
Dwelling: Mais discos, mais concertos. Enfim, o normal para este tipo de projecto! Esperamos poder lançar o primeiro video nos próximos meses!

som Ouvir alguns sons de “Ainda é Noite”.

foto de Dwelling
tipo Acústico/Alternativo
sítio www.dwelling.equilibriummusic.com
sítio www.equilibriummusic.com

Rui Dinis
Author

Rui Dinis é um pai 'alentejano' nascido em Lisboa no ano de 1970, dedicado intermitentemente desde Janeiro de 2004 à divulgação da música e dos músicos portugueses.

Comments 0
There are currently no comments.