COMPARTILHE

Ontem foi DJ Marfox, hoje são os Photonz. É a segundo edição da novíssima editora lisboeta, Príncipe. Este é um vinil de 12” com os temas “WEO” e “Chunk Hiss”.

“(…) Uma faixa em cada lado, e ambos os temas são os mais longos que os Photonz alguma vez já lançaram. “WEO” vibra como corrente eléctrica, com gritos selvagens dando à faixa as suas ordens de marcha, e essas são “thou shalt groove and bounce and bend time to Future-Past” (claro). Muitas coisas boas das quais nos lembramos da nave-mãe do techno estão presentes aqui: bleeps, breaks, drama, jack, explosões e um sempre necessário léxico completo de ‘deepness’.
“Chunk Hiss” começa e acaba com o som de ondas e gaivotas em loop provocando um efeito hipnótico (mas não pensem em baleárico – esta é um muito particular tipo de gente que efectivamente vive ao pé do mar, como vocês sabem). Entre as duas extremidades, o eixo de toda a provação é uma fulgurante batida jack que apenas pausa para se reintegrar e reformar a si mesma em várias maneiras psicotrópicas e quânticas. A faixa tem um extenso, quase meditativo desfalecimento rítmico, algo para os amantes da pista de dança curtirem a meia-luz tal como costumavam fazer (…)”
” (nota de imprensa)

Também este é altamente recomendável.

Ouvir “WEO / Chunk Hiss”

capa de WEO / Chunk Hiss
Photonz – “WEO / Chunk Hiss” (Príncipe, 2011)

| DANÇA |
pt-br.facebook.com/Photonzland
www.facebook.com/profile.php?id=100003120951078

DEIXE UMA RESPOSTA